Arquivo de etiquetas: Teatro Vírginia

Prémios NA: O Médio Tejo passou por aqui

A primeira edição dos Prémios NA realizou-se no dia 12 de Junho, no Centro Cultural de Vila Nova da Barquinha, e premiou quem e o que melhor se faz no Médio Tejo.
Fel, banda de Abrantes, atuou no evento e deixou a plateia curiosa com a sua qualidade.
(FOTOS)

_DSC0998

_DSC1002

_DSC1014

_DSC1018

_DSC1020

_DSC1024

_DSC1027

_DSC1039

_DSC1042

_DSC1044

_DSC1063

_DSC1065

_DSC1070

_DSC1076

_DSC1077

_DSC1078

_DSC1082

_DSC1091

_DSC1093

_DSC1095

_DSC1101

_DSC1103

_DSC1110

_DSC1114

_DSC1124

_DSC1131

_DSC1134

_DSC1155

_DSC1173

_DSC1175

_DSC1178

_DSC1179

_DSC1182

_DSC1212

_DSC1213

_DSC0937

_DSC0943

_DSC0956

_DSC0961

_DSC0965

_DSC0966

_DSC0967

_DSC0972

_DSC0987

_DSC0990

Anúncios

VN Barquinha: Venha conhecer os premiados do Médio Tejo, esta tarde

3 Background

Realiza-se esta tarde, pelas 18h30, a 1.ª Edição dos Prémio NA no Centro Cultural de Vila Nova da Barquinha.
Hoje, vamos distinguir as personalidades, empresas, entidades e instituições que marcam o Médio Tejo. O painel de colaboradores e direção do Jornal NA, bem como da sua administração – Centro de Interpretação e Arqueologia do Alto Ribatejo – escolheram aqueles e aquelas que se destacaram ao longo do ano de 2014 nas mais diversas áreas da sociedade como a criatividade, história, educação, cultura, associativismo ou meio empresarial.
Como convidado da primeira edição dos Prémios NA vai atuar “Fel”, músico abrantino fundador dos The Kaviar, e que é igualmente cronista do NA.
As peças a oferecer aos premiados são da autoria do ceramista Renato Vieira, de Vila Nova da Barquinha, dando um cunho mais pessoal ao evento.
Durante o evento o NA vai prestar homenagem a Joaquim Vieira, artista e colecionador de memórias da Barquinha, que faleceu em Fevereiro.
A entrada é livre apenas estando limitada à lotação da sala.

‪#‎feiradotejo15‬

11210478_891754730891727_6447271906247563176_n

Dois dias de luxo com Samuel Uria e Dead Combo

flaviofilho_2012-05-dsc_2061

Para ambos é um regresso à região. Samuel Úria encantou em Cem Soldos, Tomar, durante o Festival Bons Sons no Verão e o duo de cordas Dead Combo regressa depois de em Maio ter estado em Abrantes.

Samuel Úria, apresenta neste concerto, no dia 24 de Outubro, no Cine-Teatro São Pedro em Abrantes, o seu álbum de originais “O Grande Medo do Pequeno Mundo”, um disco que conta com diversos convidados como: Márcia, com a qual Samuel faz um dueto em “Eu Seguro”, Manel Cruz, dos Ornatos Violeta e dos Supernada, e Miguel Araújo, dos Azeitonas, entre outros.

Já os Dead Combo, actuam no Teatro Virgínia, em Torres Novas, no dia seguinte, 25 de Outubro e desde a passagem por Abrantes, cimentaram o seu lugar no panorama musical português numa tournée de promoção ao álbum “A Bunch of Meninos” que culminará com os concertos do final do ano (Dezembro) no Coliseu de Lisboa, no Coliseu Micaelense, em S. Miguel nos Açores e no Teatro Rivoli no Porto.

Os Dead Combo celebraram dez anos de carreira em 2013 e o sucesso de “A Bunch of Menino” foi a cereja no topo do bolo de Tó Trips e Pedro Gonçalves, os dois músicos que criam ambientes únicos em palco e cuja música galgou fronteiras.

Samuel Úria actua às 21h30 de sexta-feira e os Dead Combo sobem ao palco no sábado também às

21h30. A não perder.

Torres Novas: Poemas para Bocas Pequenas

Nos dias 13 e 14 de março, quinta e sexta feira, realiza-se no Teatro Virgínia o recital de poesia “Poemas para Bocas Pequenas”, de Margarida Mestre e António-Pedro, espectáculo integrado na programação do Lab Criativo do Teatro Virgínia e que se destina a crianças do pré-escolar.
Um projecto construído a partir de poemas de autores portugueses viajando pelo universo dos mais pequenos, como a família, a casa, o corpo, e o que os rodeia como a natureza, os ciclos, o espaço, o medo, o desconhecido e tudo o que faz de conta. , Margarida Mestre e António-Pedro orientam-nos por simples formas sonoras, espaciais e visuais que, ora enquadram, ora escondem, ora revelam palavras faladas, entoadas ou cantadas.
Este espectáculo é destinado a crianças com idades entre os 3 e 5 anos e tem uma lotação máxima de 75 pessoas, oportunidade para realizar uma viagem ao universo dos mais pequenos.
No dia 13 Março, o espectáculo realiza-se às 10h30 e no dia 14 às 10h30 e 14h30.

image_8948_1_1383588882

Torres Novas: Bastardos, mas bons rapazes, em concerto

Os The Neverminding Bastards, banda torrejana influenciada pelas grandes lendas do Rock and Roll e Punk dos anos 60 e 70, tem concerto marcado para dia 25 de Janeiro no Café Concertodo Teatro Virgínia. Formada por músicos de Torres Novas e Entroncamento, os “bastardos” “sentem-se atraídos pelo lado mais negro da vida, entre o caos, os zombies, o álcool e a destruição causada pelo amor de uma mulher, outrora prostituta”.

Uma banda que tem sido presença habitual nas salas dmaxresdefaulto país e que oferece sempre concertos com uma atmosfera única. O concerto tem início às 23h30.